segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

O presente perfeito para o dia de São Valentão

O dia de quem? Ora, quem não se lembrar, vá recordar este post.

Ora parece que é tradição (se é que uma moda recente e importada pode ser chamada tradição, mas adiante) oferecer cenas à "mais que tudo" (também não entendo o conceito, porque "tudo" é muita coisa, mas passemos também adiante!). Ora eu acho que a oferecer, tem que ser coisas úteis e/ou que nos ajudem a atingir um objectivo. Vai daí, aqui está a minha sugestão.



Et voilá, um pendente! É útil, decorativo e ajuda a atingir um objectivo. Dois, aliás: o "lets fuck" propriamente dito e o ver se a "mais que tudo" (não estou mesmo convencida com a expressão) tem sentido de humor (se não tem, é boa altura para lhe calçar uns patins... que também são um óptimo presente e muito útil). No fundo, são os preliminares muito comodamente embrulhados e pendurados ao peito. Palavra-chave: peito.

Alternativamente, em vez de pendente, pode-se oferecer um broche. Aí... bem, aí não há grande margem para interpretações porque só consigo ver uma palavra-chave...

8 comentários:

Ana disse...

Olha, excelente ideia. Muito melhor que qualquer raminho de flores que murcha em 3 tempos e, no fundo, tem a mesma mensagem entrelinhas.

Dark Phoenix disse...

Não podia concordar mais, Lol!

Eu Mesma! disse...

A nossa prenda vai ser mesmo um jantareco a dois :) no fim semanaaaaaaaaaaaaaaaa

Abobrinha disse...

Ana

És a minha alma gémea: é prático, dura mais tempo e vai direita ao assunto. É que com um raminho a pessoa ainda pode pensar: o que é que ele quer? Assim não há margem para erro!

... e pode ser usado mais que uma vez! De preferência muitas, não?

Abobrinha disse...

Dark Phoenix

É mais que perfeito!

Abobrinha disse...

Eu Mesma

Bem... desde que o resultado seja o pretendido, qualquer prenda é boa!

Boop disse...

Para quê meias palavras afinal?

Fada disse...

Lindo!...

:D

E concordo... Pode-se usar muitas vezes! ;)

Beijitos