segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

E tu, jovem, és uma planta ou um gato?

Comecei este post para responder a este outro da Gata. Mas depois achei que nem eu nem ela somos gajas para merecer ser reduzidas a clichés, por isso meti pernas ao caminho e comecei a escrever uma coisa completamente diferente e mais para a javardice. Como reduzir um homem a um cliché, que é bem mais giro!

Uma vez disseram-me que não se pode ter simultaneamente gatos e plantas: ou uma coisa ou outra. Quem mo disse tinha a sua razão: o gatinho que eu tinha na altura estraçalhou por completo uma orquídea lindíssima que a minha mãe me tinha dado com todo o carinho e tudo quanto era projecto de plantas naquela casa. O gato não sobreviveu muito tempo à orquídea e ainda não estou convencida de que não tenha sido o espírito da orquídea a vingar-se pelas ofensas passadas. A isso se chama uma orquídea selvagem... ou isso é o nome de um filme pornográfico? ... bem, não interessa!

Descobri recentemente que afinal o meu gato não tinha culpa pelo meu insucesso com as plantas. O que se passa é que eu sou UMA NULIDADE a tomar conta de plantas! Resumindo: tenho uma única planta de boa saúde e isso é porque me esqueci completamente dela e de a regar. Só isso é que safou a desgraçada. De onde se conclui que sou uma mulher de gatos (a morte do bicho está explicada cabalmente atrás)!

E aí fez-se luz na minha cabeça: há homens que são plantas e outros que são gatos.

Assim, os gato são independentes, fofos, lindos e vêm ter connosco para alimentação e mimo. Mas querem e gostam de atenção e devolvem toda essa atenção e carinho sob a forma de companhia, brincadeira, um ronronar sensual, pêlo fofo e uma magnífica funcionalidade como botija para os pés ou outra qualquer parte do corpo que decidam aquecer quando se deitam na cama ou no sofá connosco. Um homem-gato é, portanto, um sonho!

Uma planta, em contrapartida, não faz companhia, não se mexe, nem sempre é bonita e quanta mais atenção e carinho se lhe dá... mais depressa ela vai com o carago! Ainda por cima, algumas têm espinhos ou são venenosas. Ora isto é a descrição de muito homem que para aí anda!

Jovens frequentadores deste tasco e outros que não têm esse bom gosto: que tipo de homem são vocês? Gatos ou plantas?

E pronto, em honra da orquídea selvagem aqui fica a Carré Otis para se regalarem. Era para elevar o nível do tasco e em vez de mamas e um corpo escultural apresentar um objecto de design e colocar a famosa cadeira do filme Orquídea Selvagem onde se sentou o Mário Soares numa mui cultural visita às Caraíbas... com o Mário Soares com o rabo lá alapado (só para fazer de turn-off), mas depois tive pena de vocês e deste blogue porque já há muito tempo que não tinha mamas.





... e daí o filme com a cadeira não era o Emanuelle?

... e era pornográfico ou erótico? E qual é a diferença?

(Também podia ter posto uma imagem do Mickey Rourke, mas isso seria crueldade pura!)

42 comentários:

Rui da Bica disse...

Qual é a dúvida ? Queres apostar que nenhum dirá que é planta e todos se dirão gatos ? rsrsrsrsrs
Cadeira, da Emanuelle, claramente erótico.
Mickey Rourle, crueldade no máximo grau - Laranja Mecânica
Carré Otis - Gatttooooonna !!!
.

Abobrinha disse...

Rui da Bica

Quanto queres apostar que alguns vão assumir que são plantas?

Eu Mesma! disse...

eu confesso que nao tenho animais la em casa...

tenho um cacto... que tadinho passa meses sem ver a cor da agua...
alias... o meu cacto deve pensar que está no deserto longíquo de marrocos!

por falar nisso... tenho que o regar...

Abobrinha disse...

Eu Mesma

NEM PENSES em regar o cacto! Ele morre! Planta é para ignorar mesmo, para tratar mal! Ou seja: és a pessoa perfeita para ter plantas!

... agora que penso no assunto, também tenho uns cactos lá em casa... acho que estão vivos, mas sinceramente não me lembro: tenho que verificar quando for a casa.

E quanto a homens, encontraste mais gatos ou plantas?

NI disse...

Ora muito bem, eu em casa tenho gato e imensas plantas.

Quer isto dizer que tenho jeito para lidar com todo o tipo de homens?

Eu sabia... que era especial! É que só mesmo uma pessoa especial para aturar os homens.

Abobrinha disse...

Ni

Pois, mas na volta algumas das plantas são exteriores ou então é o gato que é exterior.

... e aposto que não tens uma orquídea selvagem nem uma Emanuelle!

GATA disse...

Quem disse não se pode ter simultaneamente gatos e plantas??? AI O CATANO! eu tenho ambos e de boa saúde, graças a bastet!

Eu sou GATA, logo não preciso de tretas para dizer que sou gato e não planta! DAAA!

Clichés e Estereótipos não são a minha cena!

E o Mickey Rourke nos seus bons velhos tempos tinha o seu encanto!

Abobrinha disse...

Gata

Mas eu não tinha dúvidas de que és uma gatinha! Nenhumas mesmo!

Eu sei que se pode ter simultaneamente gatos e plantas, mas não arruines a minha reputação... mesmo porque isto era mesmo só para ser anti-estereótipo. E para alguns meninos se darem conta de que são de uma inutilidade total na óptica do utilizador: vegetais autênticos que nem para comer e dar saúde servem!

... e para meter as mamas da Carré Otis, que são de grande qualidade. Quanto ao Mickey, além de ter nome de rato, nunca fui à missa dele. E isso foi ANTES de saber que ele usava a mulher como saco de boxe.

Paula disse...

Há Homens e "homens"... assim como há Mulheres e "mulheres"... tudo muito subjectivo.

Mas em casa tanto tenho plantas (e bastantes pois sou fã da natureza), como dois "gatos"... em verdadeiro e o outro em formato de Homem hehehe...

Como disse... sou fã da NATUREZA!!!

Beijocas aromáticas***

Caranguejo disse...

Sempre gostei de gatos acho parecidos comigo (e não estou a falar nem do pelo nem de se lamberem todos em lugares recônditos…ok) talvez sim tenha alma de gato...

Queria agradecer-te por teres reconsiderado os danos visuais que irias provocar com a foto do Mário Soares e por teres colocado umas mamas como devem de ser


Bj

Abobrinha disse...

Paula

Lá está: as pessoas são o que são e não um cliché. E era isso que eu queria demonstrar ao fazer um texto disparatado (e com umas fotos de jeito).

Abobrinha disse...

Caranguejo

Os danos visuais aqui são rigorosamente controlados! Aqui só se queima a retina com material de "kólidade".

Com que então não és planta: isso é bom!

Joker disse...

Está assumido:

Planta, talvez um cacto bem espinhoso!

Djinn disse...

Eu juro que cada vez que leio um título destes até «tremo» só de pensar no que virá...
Realmente consegues sempre fazer rir com conexões mentais e elaborações rebuscadas que consegues imaginar...só mesmo tu!! Se não existisses tinhas que ser inventada!! :P

Joaninha disse...

Eu tenho cães, serve? Também tenho plantas, 2, que trato muito mal...só rego quando estão quase secas, mas não é maldade é esquecimento mesmo...

beijos

NI disse...

Minha querida, pois fica a saber que a aqui "je" tem paletes de plantas interiores e exteriores. O gato é para onde estiver virado e, com esta não contavas, tenho todos os filmes da Emanuelle (sempre gostei de filmes eróticos) e quanto à orquídea...eu sirvo?

Ahahahahah

Eu avisei que hoje estava para a parvalheira!

... e aposto que não tens uma orquídea selvagem nem uma Emanuelle!

GATA disse...

Adenda: "chez moi" os gatos de 4 patas são muito bem tratados, os de 2 patas, depende... se me irritam levam uma unhada no olhos!

Ah, já agora: entre as várias plantas, tenho erva-gateira, aquela que dá 'pedra' aos felinos... o tareco gosta, ajuda-o na digestão!

PS: o Mique Rouco era giro para ver, não para casar, mulher!!!

Gosto... disse...

Pelo amor da santa querida....gato ou planta?! AHAHAHAH

Eu nem sei o que sou!!! Se por um lado me tento convencer todos os dias que sou "um gatchinhoo" (ler com sotaque brasileiro, sff) por outro tenho algo que me faz lembrar um caule (podia dizer um tronco...praí duma sequoia...mas achei claramente desajustado...) e assim sendo também posso ser planta, né?

Raios senhora...agora deixaste-me completamente na dúvida...

BEIJOOOOOOOOOO

P.S.- Se fosse uma planta gostava de ser uma "azeda"...AHAHAHAH

francis disse...

eu cá sou planta, basta darem-de de beber que eu fico feliz...de preferencia virado para a televisão ;)

Ultima Thule disse...

...

Abobrinha disse...

Joker

Ok... acabaste de me lembrar que tenho uns cactos... tenho que ver se estão vivos. É que se me esqueci deles pode ser porque realmente me esqueci ou porque já são cadáver há muito tempo!

Abobrinha disse...

Djinn

HAHA! Isto é um blogue com um estilo muito próprio e títulos explosivos! ... frequentemente só se aproveita os títulos e as mamas que os ilustram, mas como não tem havido queixas, tá-se!

Abobrinha disse...

Joaninha

Tu não tens um cão: tens a loura mais charmosa do mundo com as quatro patas no chão. As outras estão normalmente na indústria de entretenimento de adultos, mas não vamos entrar por aí!

Abobrinha disse...

Ni

Acredites ou não, a orquídea foi a única sobrevivente! Uma daquelas pequenininhas, temperamentais... a última sobrevivente do massacre "plantal" aqui de casa...

Abobrinha disse...

Gata

Acredites ou não, o meu gato não ligava puto a erva gateira. E era alérgico a leite... e possivelmente a rodas de carros, mas isso sou só eu a conjecturar...

Abobrinha disse...

Ah, e em relação ao actor também conhecido por ter nome de rato, aquilo nem para olhar me servia: não era bem o meu tipo!

Abobrinha disse...

Gosto...

Uma sequoia é melhor não: é muito velha, por isso na volta está mais em pé pelo hábito que pela vontade, não?

Uma azeda é melhor: pode ser insignificante, mas muitas meninas têm uma vontade incontrolável de as CHUPAR!!! Era aí que queria chegar, não?

HAHA!! Beijooooooooooooo

Abobrinha disse...

Francis

Portanto uma planta cara: alimentada a cerveja!

Abobrinha disse...

Ultima (ou melhor, ultimo!)

Como é: planta ou gato? Não te preocupes em fazer sentido: neste blogue isso não interessa nem um bocadinho e é mesmo desaconselhado!

Gosto... disse...

A minha amiga sabe que as sequoias não nascem velhas, né? vão crescendo e tal....HAHAHAH

E não percebi a da "azeda"...juro que era só pela bonita cor e formato das pétalas....HAHAHAH ;)

BEIJÃOOOOOOOOOOOOOOOOO

Pulha Garcia disse...

Vivo sozinho, cozinho, faço compras, convivo com os meus amigos sem dramas, e gosto de sexo no sofá da sala (o júri aceita noutras divisões mas o sofá da sala é a casa de partida). Contudo, não vou muito à bola com gatos. Prefiro bouganvileas. Ou um bom muro de hortensias.


Ps- Francis, ma man, és uma planta de baixa manutenção, pá! E em vez de sol até apanhas luz da televisão!

Abobrinha disse...

Gosto

... não entre pelas sequoias pequeninas, senão és capaz de te enterrar. É melhor optares pelas azedas: é mais seguro.

Abobrinha disse...

Pulha

Um pulha tem que se dar bem com um gato porque este é, à sua maneira, um pulha. Mas um pulha amoroso.

Também adoro buganvíleas e hortensias, e comecei a apreciá-las mais ainda depois de ter ido aos Açores (bem, a São Miguel, porque me faltam as outras ilhas todas).

O sofá... alguma coisa contra a cama? Ou a mesa? Ou o chão? Ou... ... sexo é sexo! Não é como o imobiliário: location, location, location! O que interessa é que seja inspirado e transpirado!

as velas ardem ate ao fim disse...

Eu não tenho plantas!!

Tenho apenas o meu Simão, cão!

bjo

Blondewithaphd disse...

E cães e plantas ainda se dão pior do que gatos e as ditas cujas. Muuuuuuito pior!

Pedro Bom disse...

Não haverá também os plana gatos ou gatos plantas? :)

Abobrinha disse...

Velas

Eu podia ter falado dos cães, mas dava muito trabalho e eu não estava com inspiração. E os cães não são mesmo o meu forte.

Abobrinha disse...

Blonde

Ui, se eu te contasse algumas histórias de um cão que os meus pais tiveram e as plantas até fugias!

Abobrinha disse...

Pedro Bom

Ora bem, haver até pode haver... mas não é a mesma coisa!

francis disse...

quando é que isto muda, pá ?

Icon disse...

não tenho gatos, não tenho plantas!
sou gato... sou planta... depende de quem me vê e da altura em que me olham!

Icon disse...

mt agradecido por teres preferido a carré ao marocas!