domingo, 15 de maio de 2011

Não é o que estão a pensar! Isto era uma jogada de antecipação!

Não me pronunciei sobre a morte do Bin Laden, entre outras coisas porque não faz parte do conteúdo programático desde blogue. Mas juro que quando disseram que tinham apreendido computadores e CDs e outro material informático, pensei logo: olha anda um tipo sossegado, escondido do mundo que o quer morto ou pior e PIMBA, aparece um bando de gajos, mandam-nos um tiro e confiscam-nos a pornografia. Ora porra, já ninguém pode estar sossegado?

E não querem ver que o gajo era todo terrorista, mauzão, devotado à guerra santa, contra o grande Satã e tal, mas afinal gostava da pornografia dele como qualquer cristão? ... por assim dizer, claro!

"As autoridades americanas encontraram uma coleção de material pornográfico no esconderijo de Bin Laden em Abbottabad, no Paquistão. Os militares recolheram revistas e sobretudo vídeos com pornografia.

O jornal americano "The New York Times" salienta que o material poderia ser do líder terrorista ou de outras pessoas que viviam na casa. A agência de notícias Reuters cita fontes militares norte-americanos para afirmar que é comum encontrar-se material pornográfico em casa de militantes islâmicos.

Apesar do esconderijo do Paquistão não ter ligação à Internet, muitos dos vídeos tinham sido descarregados da Web e estavam guardados num cofre no quarto do líder da Al-Qaeda."

Atenção, tudo isto fazia parte de um plano: é que 72 virgens é muita virgem e um gajo não pode fazer a mesma coisa com elas todas! As mulheres aborrecem-se com a rotina e gostam de ser tratadas de maneira especial, como toda a gente sabe!

Ou seja, não é que o gajo seja taradão, pervertido ou mesmo banal: estava simplesmente a antecipar o além. O que é mais ou menos bom: ficamos a saber que há pelo menos a intenção de entreter as 72 virgens com outra coisa que não relatos de bombardeamentos suicidas, planeamento de atentados, desfile de burkas e jogos de cartas no além. No fundo é como eu digo: do que o mundo precisa é de badalhoquice. Este mundo...e o outro!

E pronto, é oficial: o Bin Laden tinha pornografia no esconderijo dele!

... ou isso ou foram os militares americanos que lá a puseram...

49 comentários:

Francisco o Pensador disse...

Abobrinha, eu ás vezes dou por mim a suspirar com tanta idiotíce que vejo ocorrer no mundo. Na maior parte das vezes prefiro nem comentar, apenas porque sei ser inútil fazê-lo. As pessoas, por mais que estejam erradas, acham sempre que são donas da razão e nunca abram mão dela.
Mas desta vez apetece-me desabafar algo..

Encontraram material pornográfico na casa do Bin Laden? E daí, onde é que está o drama? Ele não era um ser humano como outro qualquer? Não tinha também os seus vícios? Os seus fetiches? As suas fantasias sexuais? As suas necessidades carnais? Não copulava? Não se masturbava?
Mas quê...o gajo tinha por obrigação ser eunuco?
Quem neste mundo é suficientemente hipócrita para dizer que não gosta de ver pornografia uma vez por outra?
Quem é que não guarda material pornográfico escondido algures dentro de casa?
Que foi? É crime? é pecado? é feio? é porco?
Mas é claro que é feio! Mas é claro que é pecado! claro que é porco!
O pecado já foi inventado (pelo homem) com esse propósito!
Foi criado para dar tusa! para provocar prazer! para combater o tédio que fustiga incessantemente o Homem!

O tipo era um voyeur? Eu também sou por vezes, e dai?
Vamos parar de uma vez por todas com estes falsos pudores, está bem?
Mas que raio é que as pessoas tem contra o sexo afinal??

Abobrinha disse...

Francisco

Não entendeste nada do que eu escrevi. Eu não tenho nada contra o sexo! Raios, mas tu lês o meu blogue de todo? O que se passa é que o Bin Laden dava uma imagem de tão puro e tão casto, contra todas as perversões do grande Satã, um homem cujo ódio pelos inimigos era maior que o amor pelos filhos (e isto diz muito sobre uma pessoa) e afinal descarregava pornografia como os outros. Ou por outra, mandava descarregar por ele, porque ele não tinha ligação à net.

Só para ser inteiramente clara, porque já leste o post uma vez e o meu blogue algumas vezes, a minha intenção era ridicularizar e banalizar o Bin Laden, porque é isso que ele merece (isso e arder no inferno). Mais que isso, era mostrar que não era tão puro em nada como queria dar a entender. E que usava as mulheres, mas isso nós já sabíamos.

Abobrinha disse...

Já agora, estavas-me a chamar idiota? É que parece mesmo! Esclarece isso, porque tenho que saber se devo "elogiar" também.

Chico o Falseador disse...

Cara Abobrinha.
Pergunte a esse senhor seu leitor, se a moralidade so está nas palavras e não nos actos praticados.
Sobretudo, quando em nome de uma falsa moralidade, se assassinam milhares de pessoas .
E pergunte-lhe também, se ele próprio dando como exemplo o facto de também ter alguma pornografia, é, por comparabilidade com o assassino, terrorista também.
BFS

Abobrinha disse...

Chico

Acho que a pergunta relevante aqui é mesmo se o Bin Laden é mesmo uma pessoa ou só um monstro. E acho que sei a resposta a essa pergunta...

Francisco o Pensador disse...

Abobrinha, jamais ousaria te chamar de idiota.
Se o fosses, acredita em mim que jamais perderia o meu tempo a visitar-te regularmente - mesmo quando desapareces por longos periodos - na ânsia de encontrar aqui a qualidade com que nos habituastes ao longo de vários anos/posts, seja pela beleza dos teus textos, que revelam uma imaginação abundante e um sentido de humor que eu considero simplesmente delicioso.
Além disso, e creio que poderás concordar comigo nesta questão, considero que o conceito da Inteligência e do idiotismo é demasiado lato para que se possa formar uma opinião segura à seu respeito.
Todos nós, enquanto seres humanos, somos inteligentes. O que nos diferencía é a nossa capacidade em saber usá-la adequadamente, em maior ou menor grau. Para maior grau revelamos esperteza e em menor...revelamos estupidez.
Isso significa que toda a pessoa, por mais inteligente que seja, pode revelar-se muito esperta em certas matérias ou ocasiões da vida e estúpida noutras.
Como avaliar/medir isso? Não há formas. Fica apenas ao critério ou subjetividade de cada um.

Abobrinha, sossega que eu percebi bem o teu post e também percebi bem a tua intenção. Quisestes ridicularizar toda aquela figura "profética" que os musulmanos em geral, e a Al Qaeeda em particular, criaram à volta desse crápula assassíno. Percebi e subscrevo, mas achei que o método de comparação utilizado por ti, não foi o mais adequado.
Desculpa mas, neste caso, acho que fostes tu quem não percebeu bem o meu comentário.
Passo a explicar:
Se me tissesses dito por exemplo que o tipo tinha fama de ser um grande defensor dos animais e às escondidas matava cães e gatos, ou então, que era um bom religioso que condenava veementemente os actos de pedofilia e algures dentro de uma cave, mantinha criançinhas em cativeiro para abusar delas, ou que se fazia de puritano e praticava outras parafilias tipo "sexo com cadáveres", com "fezes" ou animais, aí sim...esse sentimento hipócrita que pretendias revelar ficaria perfeitamente visível a todos.
Agora, diz-me...ver ou consumir pornografia faz alguém parecer mau? faz de alguém tirano? faz de alguém impuro?
É obra de Satã? Ofende Deus? hahahaha...Por favor, tenham dó de mim!
Isso é brejeirice da mais pura.

Há muitos anos que deixei de ligar patavina ás religiões por causa dessas palermices e por isso...nunca pensei, enquanto pessoa liberal, moderna, e esperta que te reconheço ser, ver-te ceder assim tão facilmente ao gosto popular, utilizando um discurso que a mim me pareceu um pouco fútil, percebes agora o que quero dizer?

Na minha opinião, dizer que a pornografia é algo ruim, feio ou condenável, é um discurso banal, repleto de hipocrisia, e é apenas direccionado para gente de memória curta.
Desculpa-me a frontalidade, mas por seres quem és, a gente espera sempre muito mais de ti. (toma isso como um elogio)
Nunca estive em causa saber se o Bin Laden era um monstro ou apenas uma pessoa. Para mim, no minímo...era uma pessoa monstruosa.
Mas estou seguro que não foi o consumo de pornografia que o tornou assim... :)

Bjs para ti e por favor...não te zangues comigo.

(Ps: Explica isso ao "Chico", porque se tentar fazer isso através dos meus comentários, é perceptível que ele não chega lá...)

Chico...Mais Nada disse...

Chego, claro que chego lá.
Ou o senhor fazendo a apologia da interpretação do conceito de inteligência, ser subjectivo ao livre arbítrio de cada um, toma para si a omnisciência da certeza?
De facto, ver ou não ver pornografia, gostar ou não, não é imoral e depende da fantasia inerente à nossa espécie. Isto, claro, considerando os padrões de moral da nossa civilização e cultura.
Mas no mundo perfeito de moralidade e valores preconizados por esse senhor, em que a pornografia era expoente máximo de um mundo decadente, pervertido e em regressão, em que a mulher era e é açoitada por mostrar um pouco mais da face através da burka, em que é lapidada por olhar para um homem, enfim; toda a selvageria perpretada numa mulher em nome dos bons costumes; um iluminado desse quilate qua assassina milhares para livrar o mundo dessa "decadência"; para lá de terrorista e assassino desumano, que mais se lhe pode chamar.
Não me insurgi contra si, e acredito que o senhor seja uma pessoa de valores, sobretudo depois da explicação que deu à sua amiga. Fez apenas uma comparabilidade infeliz, só isso.
Mas, senti-me na obrigação de defender a opinião da abobrinha, que eu acho absolutamente credível e honesta.

Eu Mesma! disse...

Não me consigo lembrar de nada inteligente para dizer no que respeita a este assunto em particular...

Abobrinha disse...

Francisco

Este não é o blogue para grandes elevações intelectuais. E é brejeiro. Muito mesmo, e é suposto, ao ponto de eu afirmar que aqui não se aprende mesmo nada. Afinal, eu já tinha descoberto os pintelhos antes do Catroga... por assim dizer, claro!

Ao contrário de ti, continuo a achar que foi genial encontrar pornografia na casa do Bin Laden. Não era de todo o que se esperaria de quem anda com mulheres de burka e se considerava quase um deus. Numa pessoa normal já é embaraçoso, nesta "coisa" é ridículo e dá vontade de rir.

Em relação a ti fico desconcertada porque estás a tentar ser politicamente correcto em relação a um monstro e à pornografia, quando és profundamente politicamente incorrecto em relação à homossexualidade (preconceituoso mesmo), por exemplo. É estranho e vai um pouco de encontro a algumas considerações que tu mesmo fizeste.

Abobrinha disse...

Chico

Portanto, o importante é que deu para rir daquele monstro, certo? Isso é que interessa!

Abobrinha disse...

Eu Mesma

Neste assunto é mesmo melhor fazer comentários parvos. É o objectivo, aliás! ;-)

Chico + Nada disse...

Olhe Abobrinha.
Dá para rir se levarmos as coisas para a brincadeira, mas dá para pensar, e muito! Se, como humanamente será necessário reflectir sobre a hipocrisia humana.
Apercebe-se bem da relevância do seu post? Eu acho que sim, de outro modo não o faria.
Ele mostra o que é a mentira e maldade no mundo. Mostra sobretudo o que são esses assassinos terroristas que conseguem através do fanatismo da religião, em nome de um Deus vingativo e cruel, inculcarem nos espíritos inocentes de crianças o fanatismo ao ponto de se imolarem pela morte.
Morte ao Ocidental decrépito e libidinoso, assassinos da pureza de valores, depravados imorais que andam a espalhar a podridão que deus condena, morte a esses infiéis que só vivem para o sexo, às suas mulheres, essas meretrizes modernas de corpos ao léu que desgraçam a humanidade. Cuspam-lhes, matem-nas, açoitem-nas, lapidem-nas. Entreguem a vossa própria vida nessa batalha que Alá vos contemplará e vos dará o verdadeiro paraíso no Além.
E depois: em que consistia o recheio da habitação do traste?
Pornografia com as bonitas Ocidentais.
E se pensa que isto acaba por aqui está bem-enganada. Breve se descobrirão factos reais de devassidão do maldito monstro.
Assim como de outros. Conheço perfeitamente a cultura muçulmana e os seus crentes. Se conheço!
BFS

Joaquim Simões disse...

http://aperoladanet.blogspot.com/2011/05/abobrinha-bin-laden.html

Até já.

Tinta Permanente disse...

Acho que o que é importante é que foram os soldados americanos que rapinaram a pornografia alheia. Despojos de guerra? Sem dúvida.

Francisco o Pensador disse...

Abobrinha, podemos dizer muitas brejeirices sem no entanto sermos brejeiros.

O Bin Laden nunca se considerou um Deus, os seus apoiantes/seguidores é que fizeram dele assim.
Aliás, ele era a maior prova visível de que o mundo não mudou assim tanto desde há 2000 mil anos para cá.
No passado também era hábito do povo endeusar figuras influentes, fazendo deles "Homens-Profetas", mas como na época ainda não havia metralhadoras, nem aviões comerciais, nem petróleo para disputar...a lenda acabou por vingar e deixou alguns frutos.
Sobre as "mulheres de Burka", se fizeres uma comparação entre os direitos e o valor atribuidos à mulher nos países musulmanos e aquele que a mulher Portuguesa possuía nos tempo idos do Salazarismo, verificarás que à dita mulher Portuguesa, só lhe faltou mesmo foi o uso da Burka porque no resto...
Como vês, nós não somos assim tão diferentes dos musulmanos como à partida somos levados a pensar.

Acusas-me de ser politicamente correcto com um homem que, só nos comentários que aqui publiquei, apelidei de "Crápula assassino" e "Pessoa monstruosa"?
Isso é ser-se politicamente correcto para ti?
Bem...neste caso, acho que prefiro não saber como é que os políticos se tratam habitualmente uns aos outros...
Mas gostaria de te fazer um convite. Podemos esquecer de vez o Bin Laden? É que já mete nojo de tanto falar e ouvir falar dele.
Quis falar sim, e pensei ter deixado isso bem explícito no meu comentário, foi da relação entre o homem e a sua sexualidade. Ponto.
Seja ele quem for, não aceito que a Pornografia seja retratada como algo mau, como uma perversão. Os musulmanos até podem ser hipócritas para, por motivos culturais ou outros, serem levados a ter esse tipo de comportamento, mas se nós "os iluminados" tentarmos corroborar esse género de discurso, então, desculpa-me que te diga mas.. não estaremos a ser menos hipócritas do que eles.

A Pornografia nunca foi nem nunca será uma coisa má, nem para mim, nem para ti, nem para seja quem for, inclusíve os religiosos - ou representantes de entidades de cariz religioso - que, piadinhas à parte, devem ser os maiores consumidores desse material.
E por não considerar a Pornografia como algo feio, não posso por isso, ficar afectado com a "mensagem" que finalizou o teu comentário e que deixastes tão bem dissimulada em "entrelinhas".
Não, não preciso de ser politicamente correcto com a Pornografia porque ela é essencial para satisfazer alguns sectores da libido humana e ela, po si só, não prejudica ninguém.

Sobre a Homossexualidade. Não, também nunca fui preconceituoso em relação a ela e nem sequer sei onde fostes buscar essa ideia.(Mas fiquei curioso de saber).
Ser-se preconceituoso determina que seja feita uma discriminação de algo com vista à sua exclusão social. Diz-me, eu alguma vez disse ou fiz algo nesses moldes que pudesse te levar a esse tipo de considerações?
Eu não tenho nada contra a Homossexualidade, aliás, bem pelo contrário, aprovo as duas variantes!
Acho o Lesbianismo simplesmente delicioso (e extremamente excitante) e os Gays...bahhh...acho essencial para melhorar a qualidade de vida dos homens heteros.
Hoje sou um homem casado (e bem!), mas a nossa vida de repente pode mudar, e se amanhã estiver livre de compromissos, e procurar fazer uma nova vida junto de alguém, agrada-me a ideia de saber que quanto mais Gays houver, mais mulheres ficarão disponiveis para uma eventual escolha....hehehehe
Ok, ok...não tive piada.

Abobrinha, eu não tenho nada contra os Homossexuais. Apenas gosto de fazer piadas deles como também tenho por hábito fazer dos padres, das freiras, dos alentejanos, dos chineses, dos etiopes, dos brasileiros, das sogras, dos pretos, do tonecas, das professoras, etc...etc...etc...

Fazer piadas, que é para a gente se rir, divertir-se um bocadinho, isso faz algum mal?
Ou também é obra de Satã????
Credo...acho que fugir daqui não chega, tenho mesmo é que mudar-me para Marte...

Bjs

Abobrinha disse...

Francisco

Vê se entendes uma coisa de uma vez por todas: este post era sobre o Bin Laden. Ponto final! Era um post pacífico, não entendo onde está a dúvida. O que estás a fazer é o proverbial "gastar cera em fraco defunto".

Não disse nem vou dizer nada sobre a pornografia nem sobre as necessidades humanas. O assunto morre aqui, mesmo porque já devia ter morrido há muito tempo.

... como o Bin Laden!

Abobrinha disse...

Joaquim

;-)

Abobrinha disse...

Tinta

Pois... cá para mim havia mais e os tipos levaram-na! Antes isso que antiguidades de museus da região e coisas assim. Que lhes faça bom proveito!

Francisco o Pensador disse...

Abobrinha, o post era sobre o Bin Laden e Pornografia.
Eu foquei a minha atenção na parte da Pornografia, vocês optaram pelo Bin Laden e tomaram de mau gosto que eu não tenha feito o mesmo.
Se houver dúvidas, não serão minha seguramente.
E se afirmas não ter dito nada sobre Pornografia, então tens razão, o assunto tem mesmo necessidade de morrer aqui, mas pelo menos faz-me o favor de editar o post.

Abobrinha disse...

Ainda me vens chatear com isto? Não é altura de parar?

Editar o post? Era só o que faltava, não?

Agora a sério: não era altura de parar?

Fada disse...

Abobrinha:
Achei o post delicioso e confesso que não percebi a troca de comentários com o "Francisco, o Pensador".

Creio que a ironia subjacente ao post é absolutamente perceptível, e reflecte a tua postura em relação ao "Faz o que eu digo, não faças o que eu faço" da parte do Bin Laden. Mas poderia ser de outro qualquer onde se tivesse encontrado algo do género.

Francisco, o Pensador:
"Eu foquei a minha atenção na parte da Pornografia, vocês optaram pelo Bin Laden e tomaram de mau gosto que eu não tenha feito o mesmo"

Não creio que ninguém tenha tomado de mau gosto a tua opção, MAS discordo contigo na parte da "opção".
Não haveria "opção" aqui, este não era um post acerca da Pornografia, em si. Ou do Bin Laden, em si. Era um post acerca de Bin Laden e dos pressupostos morais do homem, não cumpridos apesar de apregoados.

Beijitos

JP disse...

"Abo"
O tipo tinha que se treinar por cá senão não teria pedalada para as 72.
No meu caso nem isso resultaria...
estou tão cansado que nem com uma virgem lá ia quanto mais com 72.
Beijinhos

Eu Mesma! disse...

Bem...
uma pessoa não se lembra de nada inteligente para dizer e passa cá uns dias depois e isto vira novela quase mexicana?

Minha nossa....

Abobrinha disse...

Fada

Pois eu também achei a notícia deliciosa e o post delicioso de fazer. Qualquer coisa que torne o Bin Laden ridículo e mundano e não um deus vivo e vingador e mais não sei quê.

Abobrinha disse...

JP

Pois eu estou desconfiada que o tipo também não ia lá das pernas. Seja como for não interessa, porque ele está é no inferno. Isto se o demónio lá o quiser!

Eu Mesma! disse...

Eu cá... independentemente de tudo o que disseram...

Ainda bem que o Bin Laden foi atirado ao mar... só é pena que não tenha existido um video ...

Porque este senhor.... nem devia ser motivo de notícias... nem devia ter nascido!

E com isto... para mim... acaba a novela mexicana....

Abobrinha disse...

Eu Mesma

Bem, é que não há nada de inteligente mesmo a dizer sobre isto! De facto ele não devia ter nascido! A mãe dele devia ter apertado as pernas com força quando ele estava a nascer!

Abobrinha disse...

... e o equivalente para as novelas mexicanas!

Fada disse...

Eu acho que ele não devia ter sido deitado ao mar.

Não há já lá poluição que chegue!?!??!

Tadinhos dos peixinhos...

(Pensamento horroroso do dia: podemos vir a comer um peixe que comeu parte do morto... blearghhh)

Eu Mesma! disse...

É por isso é que eu adoro carne!!!!!!!!!!!!!!!!

:)

JP disse...

Pelo que se sabe o Bin também gostava de carne... e de mexicanas. :-)

Vaquinha29 disse...

Também gostava de saber o que t~em contra a pornografia.
O que eu acho é que são todos uns falsos e hipócratas que dzem deus me livre de ver isso mas todo vêem e gostam
Achei o Francisco Pensador uma pessoa séria que diz a verdade e por isso se viraram todos contra ele.
Xiiiiiiiii...E as mais esganiçadas são as gajas que ficaram todas muito admiradas armadas em virgens ofendidas.
Suas grandes falsas mentirosas. Eu sei porque sou mulher e Adoooooro pornagrafia.

Francisco o Pensador disse...

Fada, acredito que o defeito possa ser meu, porque por vezes, escrevo demasiado. E como escrevo demasiado, muitas vezes as pessoas, com intenção se calhar de poupar tempo, leiam o início e depois saltam logo para o fim da mensagem.
Entendo-os perfeitamente, as vezes até eu me aborreço com aquilo que escrevo.
Mas se o "meio" tivesse sido respeitado, poderia-se encontrar algo assim:

"Abobrinha, sossega que eu percebi bem o teu post e também percebi bem a tua intenção. Quisestes ridicularizar toda aquela figura "profética" que os musulmanos em geral, e a Al Qaeeda em particular, criaram à volta desse crápula assassíno"

E pronto, acho que esta frase por si só, seria mais do que suficiente para deixar bem claro o entendimento que fiz do post e a "novela" podia ter-se acabado logo ali.
Só que...

...enquanto algumas pessoas (de quem a gente menos espera) estão receptivos à explicações e fazem um esforço para entender, como foi o caso deste senhor:

"Não me insurgi contra si, e acredito que o senhor seja uma pessoa de valores, sobretudo depois da explicação que deu à sua amiga. Fez apenas uma comparabilidade infeliz, só isso."

(Ao qual não respondi apenas porque achei "Chico o falseador" uma provocação perfeitamente escusada para quem pretendia se dirigir a mim)

...já outras pessoas, preferem levar as coisas para outros campos.

Fada, obrigado pelo teu demonstrado interesse em esclarecer esta questão, mas acredita que não era de todo necessário fazer isso.
Não fiquei chateado com a Abobrinha e estou seguro que ela também não ficou chateada comigo. :)

Fada disse...

Francisco, o Pensador:
Não saltei o meio, por muito rápida que tenha sido a ler...
;)
"Percebi e subscrevo, mas achei que o método de comparação utilizado por ti, não foi o mais adequado."

E aqui, entendo que "invalidas" a tua frase anterior.

Dizes: "esse sentimento hipócrita que pretendias revelar ficaria perfeitamente visível a todos."

Eu vi-o perfeitamente, e creio que pouca gente não o terá visto.

Acho que o método da Abobrinha foi, de facto, o mais adequado.

Mas, claro, isto vai do entendimento que cada um tira do que lê, do estilo de escrita de cada um, e acho escusado estar a discutir o significado que a Abobrinha deu ao seu post. (Senão, com tanta discussão, daqui nada isto parece O Clube Dos Poetas Mortos, e a nossa Abobrinha está bem vivinha, graças a Deus!)
;)

Boa noite, Francisco, para ti e para todos :)

Abobrinha disse...

Fada e EM

Duvido que os peixes tenham pegado naquilo: ele devia ser duro de roer!

JP

Mexicanas? Não sei, na volta tens informação que eu não tenho em relação à dieta pornográfica dele. O que te diz que não teria toda a coleção do "Burkas gone wild", "Burka selvagen", "No céu com 72 virgens" ou outras que tais.

Abobrinha disse...

Francisco

Escreves muito? A sério? Não tinha reparado! Dá jeito porque depois tens muito por onde tirar citações, e logo as que mais te convêm.

Mas sobre o assunto, peço-te que páres. É que já chega! Há muito tempo! Já cheira mal!

... como o Bin Laden!

Abobrinha disse...

Vaquinha

Mas tu lês o meu blogue de todo? Acho que não!

Já agora, ainda não me explicaste o que é um broche com todos. Cá para mim não sabes e estás-te a armar! Isso é que é!

Francisco o Pensador disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Francisco o Pensador disse...

Abobrinha, desculpa mas agora estás a tornar-te um pouco indelicada.
Eu não falei contigo, o meu último comentário foi para a Fada, não foi para ti.
Pediste-me para parar e eu respeitei ao teu pedido, deixando de te responder.
Mas acho que posso falar com as outras pessoas, certo?

Fica sabendo que só existe 2 razões que levam uma pessoa a pedir insistentemente a outra que se cale.
1 - Não sabe como responder/argumentar às questões e não quer que isso seja visível para os outros.
2 - Quer que a pessoa continue a falar até obter um pretexto no sentido de arranjar uma peixeirada qualquer que a permita fazer cortar relações/confianças com ela.

Por isso, deixa de mandar parar. Para tu simplesmente.

Abobrinha disse...

Francisco

Cada vez te enterras mais. Ainda não entendeste que não quero que comentes mais este post? De todo?

Além de me teres pedido que editar o texto (isso é que ia ser giro!) ainda fazes considerações sobre a minha personalidade. E não consegues ver que estás a ser ridículo e indelicado e ainda por cima burro.

Pára! O blogue é meu, já to pedi, faz o que te peço, por favor, que estás a tirar piada ao texto e já a tiraste à discussão. Repito, e repito as vezes que me apetecer (o blogue é meu): pára!

Eu Mesma! disse...

Desculpem lá.... mas agora é a fase da agressão????

E Francisco... permite-me discordar... o blogue é da abobrinha.... como tal... qualquer resposta à Fada ou a qualquer outra pessoa... será também à propria pessoa que é dona do blogue....

Mas....
E que tal cada um ficar com a sua própria opinião?

Credo....
Não há paciência para tanta ofensa ... ainda mais porque começou sobre um homem que assassinou milhares de civis apenas e porque... odeia um país...

Tenham dó!

Francisco o Pensador disse...

Bem...Abobrinha, neste caso acho que este meu último comentário servirá como prova nitída de que existe um grande diferença entre aquilo que TU QUERES e aquilo que pode ser feito.

Se te pedi para editares o Post foi em resposta à tua afirmação de que não tinhas dito nada sobre Pornografia, quando na verdade...o conjunto de palavras Pornografia/Pornográfico está lá mencionado por 5 vezes.
Se nada dissestes...apaga essas palavras pelo menos que é para a gente poder fazer de conta que acredita.

Deixa-me dizer-te que deixastes triste Abobrinha. Até ao dia de hoje, já aqui vi muitas brejeirices mas nunca te tinha visto ser brejeira.
Todos podem testemunhar que sempre te respeitei em todos os comentários e que sempre tive um comportamento correcto para contigo e não percebo porque decidistes partir para o insulto.
Mas mais vale a gente saber dessas coisas tarde do que nunca.
Não interessa aquilo que dizemos ser, são as nossas atitudes que revelam o nosso real valor. Ao insultar-me, revelastes o teu.

Quem se enterrou aqui fostes tu Abobrinha, e da forma mais patética que pode haver.(e mesmo depois de eu te avisar que isso iria acontecer).

Assim me despeço com votos de que sejas muito feliz na tua vida, mas aconselho-te vivamente a cuidares desse teu transtorno de personalidade histriônico.

Até sempre.

Francisco o Pensador disse...

Eu mesma, és testemunha que a ofensa não veio da minha boca.
O problema é que certas pessoas odeiam ser contrariadas e sentem muitas dificuldades em lidar com a pressão.
Mas este caso já não é novo, a Abobrinha já possuí tradições nesta matéria.

Abs

Abobrinha disse...

Francisco

Distúrbio de personalidade? Eu nem comento!

Agradeço que não me apareças mais aqui e toma qualquer coisinha para a verborreia e a TPM.

Por mim até apagava os teus comentários, porque estão aqui estragar a descontração, mas dava muito trabalho. Ficam para os arquivos. Devia era ter apagado essa merda mais cedo.

Repito, para o caso de não ter sido clara: não me apareças aqui mais!

Eu Mesma! disse...

Francisco....
e para terminadr do meu lado....

Qualquer ser humano odeia ser contrariado... tenha ou não bom feitio...

é inato da condição de se ser humano... e quem disser o contrário... está a mentir....

eu pessoalmente tb odeio ser contrariada :) prefiro concordar que discordamos!

JP disse...

"Fica sabendo que só existe 2 razões que levam uma pessoa a pedir insistentemente a outra que se cale." (Francisco)
Discordo! Há mil e uma razões para pedir a alguém que se cale... uma delas é se essa pessoa nos estiver a incomodar, mais direito lhe assiste se for no seu espaço.
Neste caso em concreto... a Abobrinha tem todo o direito em pedir, em exigir, que a discussão (que de diálogo tem pouco) termine.

Abo,
Para quando um novo post?
Estou/estamos com saudades.
:-)

Chico+Nada disse...

Francisco o pensador.
O ter eu assinado Chico o falseador, foi uma brincadeira sem qualquer intuito ofensivo nem depreciativo. Acredite porque é verdade.
Não podia prever que a conversação com a abobrinha descambasse quase para a zanga, e faço sinceros votos que se acalmem e se eram amigos que não seja um mal-entendido que vá estragar a vossa amizade.
Peça-lhe desculpa. Acredite que não fica mal e engrandece sempre um homem que pede desculpa a uma mulher. Não é fraqueza.
Sabe onde está a nossa força? É calarmos-nos quando uma mulher nos manda calar.

Pulha Garcia disse...

Aposto que ainda encontraram por lá uma revista Gina ...

Abobrinha disse...

Claro que sim! Arquivada em "clássicos" ou em "literatura internacional". Ou então em "latinas badalhocas"!