sexta-feira, 8 de maio de 2009

... não seria melhor descafeinado?

Daqui:

"Os clientes do BPP foram brindados esta manhã com "um cafezinho" servido pelos funcionários, mas garantem que não vão sair das instalações enquanto não obtiverem uma garantia quanto ao pagamento dos depósitos"

Digo eu que um descafeinado seria melhor, senão alguns clientes podem ficar nervosos... aliás... mais nervosos! E depois pode dar merda!

Há quem diga que o mais grave é que ah, e tal, porque parece que o governo dá cobertura a todas as burradas que fizeram os bancos. Eu não digo isso: o que é mesmo grave é que ande gente a ganhar balúrdios em altos cargos do estado e administração pública e não se tenha dado conta das maroscas que esta gente fez. E eu não tenho nada contra os balúrdios que se ganham: afinal, são cargos de elevada responsabilidade... que obviamente não se teve!

Essas mesmas pessoas ou semelhantes acham natural que se possa ir mexericar as contas bancárias dos cidadãos à procura de enriquecimento ilícito... vão para o c*** mais a vossa cusquice! Não a usaram quando era precisa e vêm agora cheios de garra? Mas alguém saberá o que anda a fazer?

Por isso acho que se deve pagar ao povo o que é do povo. Mas depois têm que rolar cabeças! Entre responsáveis de bancos e quem os devia ter controlado. E mais que rolar cabeças, tem que se ir aos bolsos de quem aferrolhou o dinheiro indevidamente!

18 comentários:

Eu Mesma! disse...

sinceramente ... e o problema e que nao oiço noticias... ainda nem consegui perceber qual e exactamente o problema quer do banco quer do povo....

Abobrinha disse...

Eu Mesma

Os problemas são essencialmente dois: dinheiro e achar-se normal a falência de instituições que é suposto funcionarem.

Com tudo isto, acho que o mais sensato mesmo é continuarmos a falar de pintelhos!

Mas um dia destes alguém leva um tiro...

Tisha disse...

Naaaa... não se preocupem com nervosismo e tiros e afins porque ainda agora estava ouvir o senhor a dizer que estava tudo muito calmo a comer as pizzas que lhes tinham ido levar e que estava tudo em amena cavaqueira! :)

Começo a pensar que alguns daqueles não querem mesmo reaver o dinheiro, estão apenas felizes por terem uma espécie de Festival privado com pizzas, bjecas (e pelos vistos café!) e a TV a fazer umas entrevistas...

Abobrinha disse...

Tisha (aka Gipsy Queen)

Pizza?

Nah, tenho que perder peso! E nem é por isso: é que a Foz é linda, mas o tempo está mesmo uma merda.

E não sou cliente desse banco.

Mas eu garanto-te que um dia destes alguém leva um tiro!

... benvinda de volta!

francis disse...

às tantas ainda lhes descontam no saldo...
"e achar-se normal a falência de instituições que é suposto funcionarem. "
fucionam se tiverem pessoas competentes, e neste caso sérias, a gerirem a "instituição", que nervos esta palavra lembra-me os lampiões, neste caso não houve nem uma nem outra, resumindo foram à falência e quem se lixou foram os depositantes, que diga-se em abono da verdade alguns ganharam muito com a especulação que o BPP fazia, agora game over.

PAULO LONTRO disse...

Passei lá à porta hoje de manhã, as portas estavam fechadas e nem havia estrilho... já não há queixosos como noutros tempos...

Concordo:
"... é mesmo grave é que ande gente a ganhar balúrdios em altos cargos do estado e administração pública e não se tenha dado conta das maroscas que esta gente fez... "
um dia todos vamos saber o porquê...

VCosta disse...

Deveria ser redbull e os clientes partirem aquela m... toda!!!
Até mete nojo a posição do governo neste caso dos bancos, uns cobre, outro não mas o que é certo é que todos apresentam lucros...
Vou começar a guardar o meu debaixo do colchão...

inwhitelight disse...

Portugal está mesmo a precisar de uma bela de uma revolução....

as velas ardem ate ao fim disse...

e quem vai pagar isto tdo--nós os contribuintes..

Bjo e Bfs

Joaquim Simões disse...

Não sei o que é mais badalhoco: se a rapaziada da política (com as devidas e quase totalmente desconhecidas excepções), se os abancadores, se o pintelhómetro (que não os pintelhos, goste-se deles ou não).
Mas votei, voto sempre! Voto secreto, claro, no caso, contabilizado no pintelhógrafo!
Beijinhos

Incapaz disse...

Obrigado pelas tuas palavras.

Abobrinha disse...

Francis

Os bancos são feitos para ganhar dinheiro. O banco de Portugal é feito para regular a actividade, entre outras coisas. Como é que pode ter desaparecido dinheiro deste e de outro banco, toda a gente saber há tanto tempo e só agora, a coberto de uma outra crise vir ajuda? E como é que um banco é diferente de outro?

E mais uma vez... é mais seguro falar de pintelhos!

Abobrinha disse...

Paulo

Pois... mariquinhas é o que é!

Abobrinha disse...

VCosta

Lucros? Ora bem, é suposto os bancos e outras instituições apresentarem lucros. Se isso não acontece é que temos problemas. E depois, as crises originam também grandes oportunidades de negócio!

Red Bull... era uma ideia! E o aeródromo do Red Bull até foi montado ali ao pé!

Abobrinha disse...

Inthewhitelight

As revoluções são como os casamentos: não há um "e foram felizes para sempre", mas é preciso cuidá-los todos os dias e fazer com que resultem.

A revolução séria, de deitar tudo abaixo e voltar a erguer que precisamos é na justiça. Tudo o resto gravitaria em redor dessa revolução. Porque haveria consequências. E havendo consequências, haveria medo em caso de erros por crime ou incompetência.

Abobrinha disse...

Velas

A sério? Não me digas que ficaste com a ilusão de que haveriam de ser os responsáveis! QUe menina inocente!

Abobrinha disse...

Joaquim

Então gostas das mosquinhas??

... ooops, era secreto, não era?

Pois... vamos concentrar-nos nas badalhoquices que nos fazem rir! Porque chorar não adianta nada!

Abobrinha disse...

Incapaz

Sempre que precises. Mas não precisavas: estás no caminho certo. Na volta só precisavas de o saber.

Muita sorte! E que não te endureça o coração.