sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Uma ruiva para o Bruno Fehr... não, duas!

Bruno, prometi-te uma ruiva, dou-te uma ruiva! E cá está ela: Miranda Otto!
Conheci-a numa outra série do estilo "sexo e a cidade", mas que se chama "Cashmere mafia" (a terceira na foto abaixo), em que ela é a personagem fria e poderosa (a verdadeira "ice queen") que tem um casamento que sofre umas facadinhas de vez em quando mas perdoa porque "é assim" e para salvar/manter o casamento. Até que apanha com um par de cornos com uma senhora conhecida e decide que se as coisas não estavam bem antes, assim é que não pode ser mesmo.

Decide que para as coisas ficarem bem tem que vingar-se cometendo adultério e avisa o marido dessa resolução, mas não é capaz, porque partilha comigo para resolução de vida uma frase de um filme: it's not in my nature (a quantidade de recordações que esse post me trouxe...)! E não é da natureza dela enganar o marido nem usar um menino interessante para conseguir essa vingança! Porque ainda magoa alguém, e quer mesmo manter o casamento. Até apanhar novo par de cornos... e aí mostra verdadeiramente o par de tomates de ferro que tem! E todo o amor próprio que andava a camuflar por quem não a merecia.
De qualquer modo, as considerações sobre mais uma power woman são paneleirices (parece que ela também entrou no Senhor dos Aneis, mas não quero saber): o que interessa é que tenho uma ruiva LINDA para ti. Não achas? A cor de cabelo pode não ser bem esta (as tintas fazem maravilhas), mas há-de ser parecido. E se achas que o cor de rosa da foto não abaixo é real, ficas a saber que eu conheci uma mulher real (holandesa) com um cabelo desta cor. Era linda! Não te dou o contacto dela porque, desgraçadamente, perdemo-nos uma da outra há muito.
Agrada-me ainda a alvura extrema da Miranda. O que é estranho, porque eu até aprecio morenaças. Mas... não sei, é o exotismo dela! E não tenho um tipo físico definido: vejo beleza em todos os tipos, que sobressaem devido a muitos factores. Claro que (grande) parte daquela alvura deve ser maquilhagem, porque uma ruiva não sobrevive 41 anos (sim, ela tem 41 anos) sem sardas (a holandesa que eu conheci tinha 27 e já montes delas pelo corpo e rosto todo), mas fica linda na mesma. Com e sem as sardas à mostra. Porque as sardas também são parte da beleza delas!
Já agora, ficas também com a Julianne Moore, que é linda, linda, sarenta e quarentona (48 no caso)! As sardas da Julianne Moore estão todas à mostra no "Ensaio sobre a cegueira" e ficam-lhe bem! E não ponho fotos da Marcia Cross (dona de casa desesperada), mas fica a ideia. As ruivas são exóticas. E eu gosto de belezas exóticas! E pronto, confesso: há muito que andava a tentar arranhar uma desculpa para pôr a Miranda Otto num post.

Vai daí, resolvi arranjar um ruivo para mim! E escolhi (há muito) o Conan O'Brien! É ruivo, altão, magro como tudo (havemos de voltar a este assunto mais tarde), desengonçado e tem um piadão impressionante! Não é bonito e nem fotogénico consegue ser (estranhamente consegue ficar bem na televisão e ter o humor físico que também é uma das muitas especialidades dele), mas é tão exótico que a beleza dele passa a ser secundária. E torna-se bonito por definição! Pena ser casado! Mas olha que a Miranda também é. Mas estamos a falar na fantasia, certo? Então vale tudo!
É o tipo de comediante que combina a piada de baixos recursos do cão masturbador, do "horny manatee", o "Pierre Bernard's recliner of rage" (outro que é um personagem e tanto, com a agravante que é mesmo real) e outros parcos em adereços com uma equipa de argumentistas brutal a trabalhar para ele. Mas sobretudo, e apesar de ter de certeza montes de gente a escrever e pesquisar para ele, revela a verdadeira inteligência natural e rapidez de raciocínio com entrevistas a roçar o surreal e que não adianta sequer tentar aqui descrever porque não dá.

Não é só a inteligência das perguntas, mas a maneira como ele leva os entrevistados a mostrar o seu melhor. Destaco uma ao Jeremy Irons em que ambos conseguem provar que um jantar interessante seria com Jesus Cristo e a Paris Hilton como convivas (não me perguntem porquê, nem como é que a conversa chegou aí, mas fez sentido na altura). Ou outra que acabou com ele mesmo, o John Stamos (que fez uma série que era popular quando eu era adolescente) e o Tom Selleck a mostrar o umbigo. Ou o orgasmo fingido da Meredith Vieira, findo o qual pergunta com toda a naturalidade por um cigarro. E a famosa entrevista em que ficamos a saber que o Slash é uma nódoa a jogar Guitar Hero! E quando vai à Finlândia só porque tem uma série de admiradores lá e é parecido com a presidente do país (Tarja Halonen)? Mas isto lembra a alguém? Bem, lembrou a ele e é por estas e por outras que eu o adoro!
E sim, andava há muito também toda comichosa para pôr o Conan O'Brien no meu tasco! Porque ele e eu merecemos! Adorava ir a Nova Iorque ver a gravação do programa dele, mas parece que ele este ano muda para Los Angeles. Seja como for, não estou com planos este ano de ir a um sítio nem ao outro.

E pronto, mais uma resolução de Ano Novo/Ano Velho cumprida: fazer os outros felizes, não me esquecendo de me fazer feliz e a mim também. No caso, com cabeças de cenoura! Bruno, espero que tenhas gostado das tuas ruivas. Eu gostei do meu! Mas se me quiseres dar o Jude Law eu não digo que não!


NOTA: Para quem não se apercebeu, o Bruno Fehr é o pseudónimo do artista anteriormente conhecido por Crest.

22 comentários:

Bruno Fehr disse...

A primeira ruiva agrada-me a segunda já não faz o meu estilo. O meu estilo é mais definido pela quarta foto vs a quinta. Cara redonda vs cara de cavalo, ahahahaha OK, é uma cavalo giro, só não é o meu estilo de cavalo.

Obrigado pela Ruiva, parto do principio que dentro de 3 a 5 dias a recebo aqui em casa. Certo?
Mandaste por UPS ou DHL?

Sandra disse...

E quem diria que a 1a ruiva é a mesma do sr dos Anéis que quer combater como os homens na parte III?

quando a vi a primeira vez na série quase não a reconheci

Anónimo disse...

MAU
Vem um tipo aqui todo lampeiro fazer a primeira visitinha do ano e PUMBA .......
Começa a levar com ruivas e ruivos atitradas/os de um lado pro outro.
Phonix ja nao chegam as bombas de Israel...
Ainda por cima as citadas (dos tipos não me pronuncio que a minha formação nao deixa) as citadas têem fotos boas pra BIs.
NÃO HA NADA COM MAIS SUMO??
Atento desiludido
VALETORNO

Carol disse...

Olha, nós andamos mesmo em sintonia! Não é que eu estou ruiva?! Fiquei assim na quarta-feira. Claro que não sou nada como as moçoilas que tu aqui apresentas, mas para trintona também não estou nada mal! ;)

Eu mesma! disse...

adorei a tua resolução do ano novo E pronto, mais uma resolução de Ano Novo/Ano Velho cumprida: fazer os outros felizes...

mas ... gajas ruivas????

pronto...
eu daqui a uns dias dou-te o Jude Law!!!!

Bacardi disse...

Ena, gajas boas, giras, ruivas... e o Conan O'Brien... Começo a ver um padrão nos teus posts. A coisa começa muito bem, a falares de gajas e tal e não sei quê, e depois pum, arranjas sempre maneira de estragar a coisa. Sinceramente, Abobrinha, não se faz.

Mas confesso que, a mim, as ruivas não me dizem muito. Já a Lucy Liu.........

NI disse...

Fazer felizes os outros?

Fico à espera, ahahahahahah

Bruno Fehr disse...

Bah, não me importa que impliquem com as minha ruivas INVEJOSAS :) foram-me dadas a mim, são Minhas, MINHAS :D

Abobrinha disse...

Bruno

Achas a Julianne Moore cara de cavalo? Eu acho-a tão gira! Mas pronto, são para ti, tu é que sabes! E a Marcia Cross? Também a acho o máximo!

Olha, eu mandei por correio normal... acho que fiz asneira... na volta perdem-se pelo caminho... sorry!

E sim, isso das invejas é muito mau! Pior só mesmo fritas, não é?

Abobrinha disse...

Sandra

Benvinda! Aqui não se aprende nada, espero que saibas!

Bem, eu acho que não vi esse episódio do senhor dos aneis, mas ela é linda de qualquer modo!

Abobrinha disse...

Valetorno

Isto era uma prendinha inocente! De qualquer modo, as mamas da Julianne Moore acho que não podiam ir assim para o bilhete de identidade! Acho eu, mas já não sei nada!

Isto abadalhoca! Com tempo, se e quando me apetecer! Porque ete blogue não é exclusivamente badalhoquice.

Abobrinha disse...

Carol

Claro que andamos: és a minha amante lésbica virtual! Tens ainda mais botões que uma amante lésbica normal, porque te dedico o teclado do computador todo! How about that?

Não ligues: estas senhoras são lindas, mas têm muito photoshop!

Abobrinha disse...

EU mesma

A sério? Dás-me o Jude Law? Eu gosto tanto do Jude Law!

Eu mesma! disse...

dou sim senhora.....
dou mesmo!!!!!!

espera por logo á noite... quando eu me inspirar.... tb gosto tanto dele....

com aquele ar de menino bonzinho... ai ai ai!!!

Abobrinha disse...

Bacardi

Eu sou lixada! Mas tens que te dedicar a ver o Conan O'Brien a ver se não merece a atenção que lhe dei. Em contrapartida, não me vejo a dançar salsa com ele: porque ele não tem rabo para abanar e porque tem mais quase 1 m que eu!

Eu não me esqueço dessa da Lucy Liu. Um dia destes...

Abobrinha disse...

NI

Um de cada vez, linda, um de cada vez! Até eu tenho limitações!

Beijinhos!

Bruno Fehr disse...

"o Bruno Fehr é o pseudónimo do artista anteriormente conhecido por Crest."

Fizeste-me sentir um Prince, só me apetece cantar:

U dont have 2 be beautiful
2 turn me on
I just need your body baby
From dusk till dawn
U dont need experience
2 turn me out
U just leave it all up 2 me
Im gonna show u what its all about

You don't have to be rich
to be my girl
You dont have to be cool
to rule my world
'Ain't no particular sign I'm more compatible with
I just want your extra time and your

Kiss

Abobrinha disse...

Bruno

Adoro Prince! Um dia destes tenho que lhe dedicar um post de quarentão da semana (já agora, que idade terá ele?).

Ai primeiro pedes-me tau-tau e agora andas a pedir beijinhos? ;)

Abobrinha disse...

Já agora, fizeste-me regressar à minha adolescência e a uma fase mais arcaica do meu inglês de engate, quando eu pensava que "turn me on" era virar uma gaja do avesso. Sim, eu era um bocadinho trenguita, mas recuperei a tempo de ter uma vida interessante! Com o bónus de que me posso rir do assunto!

Eu mesma! disse...

Gaja!
já tens do meu lado o teu post do Jude Law!!!!!

Como eu te tinha prometido!

Bruno Fehr disse...

"Adoro Prince! Um dia destes tenho que lhe dedicar um post de quarentão da semana (já agora, que idade terá ele?)."

Trabalho com um quarentão americano que é vizinho do Prince no Minessota e andaram na escola com um ano de diferença. O meu colega tem 48 anos. O Prince deverá ter 49 ou mais depende do mês.

Abobrinha disse...

Bruno

Ena, grande conhecimento! Já verifiquei e o homem tem 50, vai fazer 51.