domingo, 20 de abril de 2008

REspostas ao consultório sexual - semana 12


Bem, esta semana isto foi de uma badalhoquice bestial! O tema ajudou, mas o meu público é que fez desta iniciativa um verdadeiro sussexo! E uma badalhoquice tremenda! Cá vai... segurem-se!

zeca flacido disse...


profeçora bamba estou em baixo ninguem m'ama sera que no futuro vou conseguir subir o astral e entrar na ceu ou pelo menos saborear a felicidade?
14 de Abril de 2008 15:05

Zequinha

Bem, se ninguém m’ama*, isso pode ser o motivo porque estás flácido. É só um palpite, claro! Atenção que não é para armares numa de coelho castanho: m’ama tu primeiro, prova a felicidade (curioso, é a primeira vez que lhe chamam isso) e depois então podes aspirar a ser m’amado e tens o problema resolvido. Estás com sorte porque o Jorge Fiel prometeu dedicar um post até ao fim de Maio à magno e candente problemática do minete (sobre o broche e o 69 já falou), pelo que tens até lá para convencer alguém a deixar-se ser m’amado, para depois passares à prática.

*Isto do acordo ortográfico está-me a custar um bocado, mas estou a fazer um esforço.

Mário Miguel disse...

Abobrinha,

Tens alguém neste blog com este problema.
15 de Abril de 2008 14:01



Mário


Fizeste bem em chamar a atenção, se bem que se esta intervenção já seja a título póstumo dada a precipitação do homem sem pénis (certamente o precoce mais infeliz da história). E o que é extraordinário é o teu poder de antecipação: nem eu mesma sabia que o tema ia ser “o meu pénis” e tu já parecias saber. De onde se conclui que não és parente da Cristina Candeias e arriscaria a dizer que também não és piromaníaco (pareces ser boa pessoa).

O homem sem pénis devia ter-se lembrado de várias verdades populares. Nomeadamente “os olhos também comem” e “enquanto houver língua e dedo não há mulher que me meta medo”. A verdade profunda de “os olhos também comem” é importante, porque a moçoila naturalmente terá tirado grande prazer de ter sido comida com os olhos e a esmagadora maioria dos homens não comer tudo aquilo em que deita os olhos.

Segundo a OMS, um homem saudável (com ou sem pénis) come com os olhos 1 723 mulheres por dia, o que dá a bela conta de 41 823 por mês e 699 235 por ano (mas rigorosamente, podes fazer as contas!). Destas terá sorte com uma em 3 anos e em épocas de expansão económica.

Ou seja, o próprio facto de uma mulher se dignar a ser comida com outra coisa que não os olhos (e à mão) é uma improbabilidade tal que quando presenteados com um exemplar desses o que vocês têm que fazer mesmo é ajoelhar-se perante tal espécime! E se ajoelhou tem que rezar! É assim que as coisas funcionam. Se o homem sem pénis soubesse isso, tinha usado a cabeça para algo mais útil que rebentá-la. Mas agora é tarde demais.

Allanah disse...

AHHHH, EU LI NA QUINTA! TOMA! :P
17 de Abril de 2008 22:47


Mmmm (voz sussurrante e rouca)... Allanah.... tomo o quê? Sua malandra... a ler-me fora de horas e a fazer-me propostas indecentes no meu próprio blogue... gostei... sua malandra... queres o meu número de telefone?

Entre o caralhão e o caralhinho disse...


Qual é a vantagem de ter um grande penis? Um mais pequeno não faz o mesmo trabalho?
18 de Abril de 2008 1:09


Entreocaralhãoeocaralhinho


É assim, igual igual são dois camiões cheios de japoneses. O resto é mito urbano. O que se passa é que os ca... pénis vêm agarrados a um car... homem e só ele é que tem os comandos do ca... do... da... da coisa. Daí que nem dois c... dois pénis iguais façam o mesmo trabalho, simplesmente porque um pode ter um homem aos comandos e o outro pode ter um caralho que não vale os tomates de um gato (e por esta altura já sabes que o meu falecido gato era castrado, por isso estás a ver).


Quanto ao tamanho em si, o mesmo trabalho até pode fazer... o resultado é que pode não ser a mesma coisa! Outra das vantagens de ter um pénis grande é poder fazer filmes artísticos, ninguém dizer muito mal e ainda ser m’amado* por cima.


*Raios partam o acordo ortográfico!

penisminiminipenis disse...

Carissima e mui sapiente Drª Abobrinha, O meu pénis é tão pequenino tão pequenino que sempre que arranjo uma namorada acabo por ser chamado de eunuco. O que posso fazer?

18 de Abril de 2008 14:31

Penisminipenis


Bem, eunuco é forte e é chato. Mas gostei do respeitinho. Se for suficientemente cedo pode garantir uma carreira na ópera e a fama e a fortuna (e as gajas), mas acho que não era essa a pergunta.

Aprende com o grande (por assim dizer) Vincent “coelho castanho” Gallo: sugere às tuas namoradas o uso de um dildo para os finalmentes e usa a língua e o dedo para o resto. Ou então fica-te pelos coelhos mesmo: há um com controlo remoto e à prova de água (dá jeito). Assim podes ver televisão e dar prazer à tua gaja ao mesmo tempo. Para eununo não está mal, não achar? Um último conselho: arranja muitos canais... é importante! É a que carregar sempre no mesmo e no mesmo programa cai-se na monotonia e ficas sozinho outra vez.


Anónimo disse...

All stars, Nike ou Tiger.E o Pendrive.
18 de Abril de 2008 16:31

Anónimo
Excelente!

soumultipénisofilo disse...

Cara abobrinha,

Sou tarado por pénis! Só me satisfaço tendo vários para manipular. Como gosto mesmo é um pénis no ânus, um na boca, e as minhas duas mãos cada uma com um pénis. Também gosto que me esfreguem com um pénis no meu pénis erecto. Estou sinceramente preocupado. Tenho medo de ser doente e de não arranjar namorado por ele não ser capaz de compreender que para me excitar tenho que ter pelo menos mais 4 homens no acto. O que posso fazer Dra. Abobrinha? Será que algum dia poderei ser feliz sem ter que ter todos os meu orifícios preenchidos com um pénis?
19 de Abril de 2008 23:22

Soumpenisofilo


O que recomendo é que arranjes... um barco! Sim, um barco! Enquanto estás ao comando tens as duas mãos ocupadas (vê a imagem). Se arranjares um cacilheiro, ficas já a atracar de ré, pelo que já só tens mais um orifício com que te preocupar. Mas não durante muito tempo: tens que arranjar vários marinheiros. E sabes qual é a fama dos marinheiros, não sabes? Não sei é se têm o proveito, mas se procurares bem aposto que se arranja qualquer coisinha.

Ajudou?


omeupénistemduasglandes disse...

Cara Dra. Abobrinha,

O meu pénis tem duas glandes. Isto tem-me provocado muitos dissabores, primeiro porque parece que tenho os testículos na ponta do pénis e isso assusta as minhas parceiras. Depois, se conseguir esconder assim que inicio a penetração elas começam logo a guinchar a dizer que lhes está a doer e que parece que estão a ser penetradas por dois pénis. Isto quer dizer que só consigo fornicar mulheres caídas de bêbadas e que já perderam a consciência, situação em q, tendo em conta o bafo a álcool, sempre prefiro uma boneca insuflável. Pior ainda, os meus amigos do ginásio fartam-se de gozar comigo e eu deixei de ir à sauna por causa disso. Haverá alguma solução cirúrgica para o meu caso?
19 de Abril de 2008 23:27


Omeupénistemduasglandes

Solução cirúrgica não é a minha especialidade. É a da Lorena Bobbit, mas o último cliente ficou um bocado ao dependura, pelo que não sei se recomende. E de qualquer modo acho que perdi o número dela.

Atendendo à forma que imagino que tenha o teu pénis, tenho uma solução: gelado. Sim, gelado! Arranja uma mulher que goste muito de gelado. Com muitas calorias de preferência (com Haagen Dazs nunca ficas mal; recomendo chocolate belga), porque assim vai esforçar-se mais para as gastar. É que o teu pénis deverá ter a forma de um cone duplo de gelado! Coloca uma bola em cada glande e promete um quente e frio altamente proteico (é bom que ela goste de natas) se ela se esforçar. Quando ela começar a lamber vais ver quem é amiguinha. E nessa altura, quando os teus amigos se rirem de ti na sauna, já não vai ser tão importante, pois não?


Cuidado só com uma coisa: diz-lhe que o gelado é em copo e não em cone. É que senão ela pode tentar trincar a baunilha e isso ia ser muito mau! Por outro lado, se ela gostar mesmo muito de bauninha, podes ver o teu problema resolvido... mas se calhar é melhor não!

11 comentários:

leprechaun disse...

...um homem saudável (com ou sem pénis) come com os olhos 1 723 mulheres por dia...


Puxa vida! Eu acho que nem vejo tanta gente assim num ano inteiro, quanto mais um só dia... eu sou a minha permanente companhia! :)

E a beldade nipónica já se foi agora, cheia de pressa e plena de energia, como sempre sem demora!

Olha, tenho algo interessante para te enviar e vou mesmo procurar o respectivo complemente para relacionamentos.

Bem, eu cá por mim sou inteiramente crédulo... dá para ver!... em tudo acredito e o mundo é tão bonito!

E por falar em comer, acabei de trincar e bem papar 2 pães saborosíssimos, daqueles que estão cheios de sementes... a isso sim, boto eu o dente!

Quanto ao resto, apenas sorrio ao ver...

Rui leprechaun

(...tanta beleza num universo de prazer! :))

Allanah disse...

lolol, pah, se queres que as pessoas leiam um post na sexta, faz o post na sexta!!!!! e o "toma" é tipo uma força de expressão carissima abobra, tipo: "toma la e vai busca-las!!" ou "toma que ja comeste!!" :P Nada muda o facto que EU li o post na quinta!! muahahahahahahah! (se eu n tiver a fazer sentido.. nao ligues, tou podre de sono da-me para a parvoice... ai ai...)

Abobrinha disse...

Allanah

Cada qual posta quando pode e a mais não é obrigada! Se reparaste, este domingo escrevi de carago (embora não tenha saído como eu queria), mas não consigo que saia melhor. E não é a primeira vez que o consultório sexual sai à quinta. Só seria verdadeiramente dramático se este blogue fosse sério e fizesse sentido.

O que responde à tua outra questão: para que é que queres fazer sentido aqui? Isto não é o teu blogue: é o meu! Aqui vale tudo menos arrancar olhos (e ocasionalmente apagar comentários em circunstâncias excepcionais).

OK, já percebi o "toma". Mas olha... (voz rouca e sussurrante)... "dá-me para a parvoíce" tem exactamente que implicações? De certeza que não queres o meu número de telefone?

Allanah disse...

Ahahahah, da-,e para a parvoice leia-se: fico histerica e nao digo nada de jeito!! :P queres o meu numero de telefone para quando estiveres deprimida? e so avisares que eu nao durmo e depios fico dakela maneira! hoje voltei ao meu estado normal antisocial de sempre!!

Abobrinha disse...

Allanah

Se queres debitas parvoíces, estás à vontade para debitar aqui. É o sítio certo!

Não percebi (mesmo) foi a parte do anti-social, porque te considero muito social.

Mas concordo: não dormir (ou melhor, não descansar o suficiente) é uma porra! Das poucas vezes que isso me acontece (e tem-me acontecido) fico de rastos e a debitar parvoíces ou mesmo só tipo zombie.

Allanah disse...

Opah, mas nao sou muito social, nao tenho muitos amigos, nao dou confiança a toda a gente, quando estou com um grupo grande n me sinto a vontade, etc, etc... na net e diferente! Sou completamente nerd.

Abobrinha disse...

Allanah

Não posso continuar esta conversa para o meu lado sem arriscar expor-me de uma maneira que não quero por mais de um motivo. Assim como assim já me expus demais neste blogue.

Mas pouca gente tem muitos amigos, por um motivo ou outro. Quem diz que tem muitos amigos possivelmente está a enganar-se a si mesmo ou aos outros (consciente ou inconscientemente). E os amigos muitas vezes revelam-se em certas ocasiões... e às vezes apanhamos algumas surpresas (geralmente más, mas também há as boas).

E acho piada aos tímidos. Mais aos meninos, claro, que as meninas não são bem o meu campo de especialidade (mas não digas a ninguém, porque parece que a conversa de fufas tem elevado valor comercial).

leprechaun disse...

Mas que diálogo tão giro entre as duas leitõezinhas!!! :D

Ora, mas o Algarve é tão longe! Do Porto sempre estou bem perto, e em Maio de novo aí devo ir ao certo...

E tu, quando vens aqui... a Braga?! É já hoje, mais à noite... quarta-feira, dia de feira!

Hummm... mas com esta chuva e frialdade, não sou eu que saio da minha cidade!

E se este é o sítio certo para debitar parvoíces, então estou mesmo no meu elemento...

Rui leprechaun

(...a disparatar sou um portento! :))

Allanah disse...

Algarve? Quem e que falou no algarve?

Pois abobrissima, mas a timidez em excesso torna-se num problema, e no meu caso, já deixei de fazer muita coisa que gostava por ter vergonha, o que não deixa de ser ridiculo. Para veres a extensão do problema, quando fui para o 10 ano, repetido pk ja tinha tentado faze-lo em badajoz, nao fui para o Liceu Pedro Nunes, porque não tive coragem de ir buscar os papeis a secretaria para as inscriçoes, e acabei por ir para o Maria Amalia porque era o unico sitio onde me aceitavam na altura em que decidi dizer a minha mae que n tinha ido buscar nada pk tive vergonha. Estas a ver como a timidez n tem piada nenhuma?

Abobrinha disse...

Allanah

Bem, eu não disse que tinha piada! Disse que tinha a sua piada, mas isso já interfere com o normal funcionamento do dia-a-dia e tens que arranjar defesas.

Eu dizia-te para fazeres um estágio comigo em lata aplicada, mas sou capaz de te traumatizar e nunca mais arranjas coragem para sair à rua! Por acaso tenho um par de histórias engraçadas, mas que não partilho aqui porque sim. Uma delas foi a semana passada e ficou tudo a olhar para mim! Digamos que me tornei difícil de ignorar!

Mas ponho-te à vontade na boa... nem que seja com uma massagem nos ombros...

Abobrinha disse...

Allanah

Quanto ao Algarve... esquece! Não leste nada! Enquanto eu não apago já não é assim mau (não é o teu comentário, mas o dos leitõezinhos)!