quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Título do mês

E o prémio título do mês vai para o livro que vi na FNAC há pedaço:

"A Rapariga que Sonhava com uma Lata de Gasolina e um Fósforo", de Stieg Larsson (ver aqui)

Fica-me a dúvida: convém ser um rastilho grande ou pequeno?

12 comentários:

Bacardi disse...

Sem dúvida, curioso. Já alguém leu este ou outro livro do senhor? Titulo à parte, pode ser um bom livro…

Crest© disse...

19,80€ Ahahahaha, viva a inflação em Portugal!!

Sempre desconfiei de títulos que se esforçam para chamar a atenção. O exemplar que tenho desse livro (9,90€) não vale o dinheiro que paguei por ele.

Nao digo que seja mau, digo que o li em esforço pelo tédio que me causou a leitura.

Sadeek disse...

Vê-se logo que és gaja!!! Homem que é homem não perguntava. Já sabia que basta saber usar o rastilho decentemente para pegar fogo à lata...AHAHAH

BEIJOOOOOOOOOOOOOOO

Abobrinha disse...

Bacardi

Não comprei, mas já tens a opinião do Crest. Nunca li nada dele, e pela apreciação do Crest... não ser se é desta!

Abobrinha disse...

Crest

Sim, é caro. É mesmo muito caro e eu não compreendo porquê a diferença de preços. Ocorre-me que seja a diferença de escala dos países (contra factos não há argumentos: com ou sem traduções, o mercado em língua alemã é monstruoso e o em língua inglesa nem se fala).

Acho que vou passar a comprar livros na Amazon ou outras (já o fiz). Bastantes de cada vez para poupar nos portes, mas... tenho ainda tanta coisa para ler!

É curioso que digas que o livro é uma merda. É que o título é chamativo (mas eu não gosto, sinceramente), mas o tema parecia-me prometedor! Não queres fazer um post acerca do livro? Ou então resume só aqui porque é que não gostaste.

Eu mesma! disse...

Acreditas que uma amiga minha está a ler esse livro e está literalmente a devorar??????

Acho que o livro é fabuloso... para quem gosta do tipo de livres criminais!

Crest© disse...

Atenção que Steve Larsson é considerado um génio do suspense.

Eu não gostei, pelo simples facto de este segundo livro da triliogia não me ter preso à leitura como o primeiro. As criticas, dizem que o livro é imprevisível, mas eu estava como que a adivinhar tudo, o que irrita profundamente.

No entanto recomendo o autor e gostaria de ler o seu ultimo livro em breve. Digo ultimo, pois o autor faleceu antes do seu sucesso literário.
Este livro, o já editado e o que está para sair, fazem parte da sua trilogia que ele escreveu em 2001, tendo falecido pouco tempo depois de os entregar a uma editora.

O que me faz rir é a tentativa frustrada dos tradutores portugueses em, tentar arranjar titulos que vendam, pois chamaram ao livros deste senhor:

1- Os homens que odeiam as mulheres.

2- A Rapariga que Sonhava com uma Lata de Gasolina e um Fósforo.

Os títulos em Inglês:

1- "The Girl With The Dragon Tattoo"

2- "The Girl Who Played With Fire"

Ora, eu não falo Sueco, mas falo Finlandês, por isso percebo um pouco. Os títulos originais são:

1- Män som hatar kvinnor

2- Flickan som lekte med elden

Destes títulos concluo que os títulos em Inglês, respeitam o autor e os títulos em Português são uma ANEDOTA que na minha opinião insulta o autor.

O terceiro livro, que para nao afectar as vendas deste, deverá ser lancado para o ano tem o titulo em Sueco de:

"Luftslottet som sprängdes"

Se traduzir para Ingles fica:

"Blasting castles in the air"

A versao Inglesa nao tem titulo ainda definido, mas o titulo temporário é:

"Castles in the Sky"

Julgo que em Português o livro se chamará algo, como:

"A gaja das meias rotas, que guardava um corta-unhas no sapato de verniz"

Crest© disse...

Correcção. Os 3 livros foram já lançados em Sueco. Em Inglês lançaram os dois primeiros em simultâneo. Os países com um mercado mais pequeno que querem vender os livros mais caros, optam por fazer pausas entre os lançamentos.

O terceiro e ultimo livro é que vai ser uma longa espera, pois a versão Inglesa, está prevista para Janeiro de 2010.

Eu mesma! disse...

Crest©
a tua proposta de título está deliciosa!

Parabéns!

Abobrinha disse...

Sadeek

Bem... há sempre aqueles que não é preciso pegar fogo ao rastilho... porque já têm a ponta em brasa! E o que interessa não é só o tamanho do rastilho, mas o que se faz com ele...

Abobrinha disse...

Crest

Mmmm... pensando bem, hei-de ler esse autor. Mas está visto que tenho que compar online.

Há anos e anos (aí uns 15, que eu ainda estava no início do curso), queria comprar "As brumas de Avalon"... mas eram 4 livros, a 3 contos cada. Vai daí, encontrei os 4 livros em inglês num só volume... por 3 contos. É só fazer as contas ao que poupei!

Quanto ao título, não concordo com "A gaja das meias rotas, que guardava um corta-unhas no sapato de verniz". Prefiro: "A gaja das meias rotas, cheirava a chulé e guardava um corta-unhas no sapato de verniz". Parece-me mais excitante: o chulé sempre vendeu livros de carago! ;)

Abobrinha disse...

Crest

... tu falas finlandês??? Isso é fascinante!