quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Grande gala... grande galo!

Diz que morreu hoje uma actriz portuguesa: a Milu. Parece que fez de Luisinha no Costa do Castelo... uaaaaaaaaaaaaaaaaau... e eu com isso?

Eu não sou de ignorar as pessoas, mas quando há pouco saí de uma casa que tem televisão (porque eu não tenho) estava a dar uma gala de homenagem à Milu? Digo eu: não é falta de gosto organizar uma rapidinha para homenagear a moça? Ou estavam com isto tudo preparado (cantos e danças incluídos), mesmo à espera de a moça morrer? Não me parece bem!

De qualquer modo, era toura... o que só pode querer dizer que era boa pessoa!

17 comentários:

Crest© disse...

Claro que ser toura lhe dá uma vantagem gigantesca a anos-luz de todos os outros... mas para se ser boa pessoa basta morrer e alguém dirá isso por maior que tenha sido a besta :)

Sadeek disse...

Logo vi que eras touro....raio de gente pá...AHAHAH....e eu também me perguntei....Who in the hell is Milu?!?!?! :S

BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

O pensador disse...

Abobrinha, a Milú não fez apenas de Luisinha no "Costa do Castelo".
Participou em 13 filmes e além de ter sido uma grande estrela do cinema também teve uma grande carreira na Rádio e no Teatro.

E aquilo que vistes na TV, foi essencialmente uma repetição das imagens da gala de homenagem realizada no ano passado em seu nome (Quando ainda era viva).
Gala essa que também contou com a presença do Cavaco Silva que condecorou a moça com a "Ordem Militar de Sant'Iago da Espada".

http://dn.sapo.pt/2007/05/13/media/rtp_presta_homenagem_a_diva_cinema_m.html

Abobrinha disse...

Crest

Porra, se até o Saddam passou a ser humano ao morrer... eeek!

Abobrinha disse...

Sadeek

Pois claro que sou toura. Não se via a sombra dos cornos na minha foto? ;)

Não faço ideia se os outros touros são ou não boas pessoas. Sei que EU sou boa pessoa, pelo que prefiro "contaminar" todos os outros touros com a minha fama de boa pessoa.

Abobrinha disse...

Pensador

Nem reparei no que deu na televisão: só vi por alto que estava a dar uma coisa e achei estranho que fosse tão rápido. TEnho sentimentos de ambivalência em relação ao saudosismo daqueles velhos tempos. É que realmente não gosto que se esqueçam as pessoas, mas... eu não faço a mínima ideia de quem tenha sido a senhora! QUe sentido faz homenageá-la?

Blondewithaphd disse...

Também não acho lá grande piada a fantochadas de homenagem a cadáveres acabados de o ser. (enfim, desculpa a morbidez...)

Sadeek disse...

Pois...não vi sombra nenhuma não...de qualquer maneira...essa da boa pessoa...AHHAAHAH

BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Abobrinha disse...

Blonde

Perspectivas. Gente da arte... baaaaaaaaaaaah!

Abobrinha disse...

Sadeek

Qual é a dúvida: se sou boa pessoa ou uma pessoa boa? Uma coisa não tira a outra, ouvi dizer! ;)

indomável disse...

Oh pá,
não era para dizer nada, sabes?
mas depois li o teu comentário ali em baixo a dizer que não sabias quem era a senhora?
Então a menina nunca ouviu "a minha alegre casinha" na versão original?

Não posso acreditar pá
Vai lá investigar isso que vais ver que a reconheces logo

André Couto disse...

Ao contrário do que é habitual em Portugal a homenagem à D. Milu não foi só póstuma.
Aquele programa da RTP1 era a repetição do que ofereceram à senhora ainda em vida.
Saudações.

Sadeek disse...

Claro que não...olha lá "eu"...AHHAHA

BEIJOOOOOOOOO

Abobrinha disse...

Indomável e André

Bolas! Afinal sou eu a única ignorante! Seja como for, odeio galas! E prefiro a versão dos Xutos e Pontapés.

Abobrinha disse...

André

Benvindo aqui ao tasco... mas eu aviso já que aqui não se aprende nada! Mas a malta diverte-se!

Abobrinha disse...

Sadeek

Mas quem é que te disse que tu eras bom? Ou boa pessoa?

Carol disse...

Ó moça, tu não sabes quem é a Milú?!

Eu, na verdade, odeio homenagens póstumas mas esta foi feita ainda em vida e, ontem, estavam a repeti-la. Só isso.

Mas acho bem que se lembrem e celebrem os nossos artistas. Fazem parte da nossa cultura e essa deve ser preservada e valorizada.